O Centro de Investigação Interdisciplinar em Direitos Humanos organiza um Workshop/Seminário dedicado a um dos temas mais controversos da atualidade: “A prova de ADN e os direitos processuais do arguido”, no próximo dia 7 de abril, na Escola de Direito da Universidade do Minho.

Esta iniciativa tem como escopo trazer para a discussão as principais questões e desafios que se colocam hoje à proteção de direitos humanos quando está em causa a produção e valoração da prova de ADN em processo penal. De uma forma especial, pretende-se analisar criticamente a regulamentação existente em Portugal e em Espanha sobre a produção e valoração da prova de ADN em processo penal, bem como sobre as bases de dados de perfis de ADN.

A coordenação científica é da responsabilidade de Margarida Santos, Manuel Simas Santos e Fernando Conde Monteiro

ORGANIZAÇÃO
Centro de Investigação Interdisciplinar de Direitos Humanos

COORDENAÇÃO CIENTÍFICA
Margarida Santos
Manuel Simas Santos
Fernando Conde Monteiro

ENTRADA GRATUITA

INSCRIÇÕES E INFORMAÇÕES
ciidh@direito.uminho.pt

PROGRAMA
Programa - A prova de ADN e os direitos processuais do arguido.pdf